domingo, 28 de outubro de 2012

Dia triste. Peço a Deus muita força para RECOMEÇAR...

Meu Deus, Pai de infinita bondade, Você que conhece cada pensamento e desejo do meu coração, me ajude a ter forças suficientes para não desistir de lutar.


Dai-me sabedoria, dai-me esperanças de um dia conseguir tirar do meu coração tanto sofrimento e dor. Me ajude a esquecer esse sentimente presente em mim e  que só existe em meu coração. Esteja presente em minha vida e na vida das pessoas que me são importantes. Abençoe àqueles que não estão ao meu lado. Cuide para mim, proteja, abençoe e faça muitooooooooo feliz.

quinta-feira, 7 de junho de 2012

Para os invejosos de plantão!

Faça o que eu faço! Coma o que eu como! Tenha PERSISTÊNCIA, FOCO, OBJETIVO, DISCIPLINA, DETERMINAÇÃO e conseguirá os mesmos resultados que tive! FICAADICA! Bjim

Ah! Mas por favor, não queira fazer nada disso ao meu lado, pois pessoas como você desmotivam qualquer criatura. Vá para o caminho oposto, ok?!

  1. LIBERTE-SE DA FOME EMOCIONAL!

Será que usamos a comida para preencher lacunas em nossas vidas?

- Quando estiver na frente do próximo prato de comida, seja doce ou salgado, Pergunte-se: estou comendo comida ou emoção?

- Verifique se está comendo porque sente fome, culpa ou por carência afetiva.

- Na sua próxima refeição, pergunte-se quem está no comando, você ou a comida.

- Coma para viver, evite viver para comer. Comer é uma grande fonte de satisfação e prazer. Quando essa relação de prazer se torna um mecanismo para compensar nossas carências e frustrações criamos uma relação perigosa com a comida.

“A comida é a ligação direta entre o físico e o espiritual, entre o que colocamos em nossa boca e com o que alimentamos nosso coração.”

terça-feira, 29 de maio de 2012

É mole? Melhor ouvir isso do que ser surda!


Eu emagreço, você emagrece, nós emagrecemos!

Vamos nessa galera! Não deixemos a peteca cair. Seguremos a ansiedade, as tristezas e angústias... Não descontemos na comida e sim na atividade física... Sei que não é fácil, sou prova disso! Lutei e continuo lutando dia a dia contra a balança. Não é somente emagrecer, o mais difícil é manter por toda a vida o peso ideal. Controlo calorias diariamente. Tudo o que compro e como é controlado. Dias tristes como estou me sentindo hoje, por exemplo, tenho que segurar a vontade de devorar uma barra de chocolates. Deus me ajude, Deus nos ajude! Força! Força! Força!